Os elementais e as descargas energéticas

Falando em elementais (espíritos da natureza), eles habitam o mundo etérico, e são matéria, não física como compreendemos, mas com densidade atômica material.

Estes irmãozinhos não passam por portas e janelas fechadas, tal qual os fios vibratórios que movimentam as moléculas do ar em níveis mais eterizados, mas ainda materializados.

Na Umbanda, especialmente na magia dos pretos velhos quimbandeiros, os elementais são indispensáveis para as descargas energéticas, ao adequado manejo dos fluídos deletérios, preservando-se o corpo mediúnico de repercussões vibratórias enfermiças.

A maior parte do que as entidades “desmancham”, ao final de uma sessão de caridade, precisa retornar para a natureza, para aí sim ser transformada de fato. Em verdade, existe um processo de recomposição e decantação vibracional, pois nada se perde, tudo se transforma quando manejamos energias.

Os espíritos mentores não conseguem desintegrar diretamente certos fluídos densos, pois seus perispíritos são mais sutis, assim necessitando dos sítios vibracionais junto a natureza. Estes pontos de força “pertencem” aos Orixás.

É fundamental à Magia de Umbanda, a destreza no manejo energético para um terreiro ter a “força” do axé , seja para atrair como para descarregar energias.

Norberto Peixoto – Triângulo da fraternidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s